segunda-feira, setembro 14, 2009

A aids é uma assassina em massa



Uma campanha estranha, transpirando sexualidade e com referências a assassinos em massa. Os eleitos foram Josef Stalin, Saddam Hussein e Adolf Hitler. Assim, a organização humanitária "Rogenboden" da Alemanha prentende chamar a atenção de todos. E vem conseguindo.

Nenhum comentário:

A INSUSTENTÁVEL LEVEZA DE SER PROFESSOR

Os médicos, invariavelmente, alvejam seus pacientes como indivíduos apsíquicos, assim como os professores, invariavelmente, fazem com seus ...