Exercícios de genética




Questão
Nos cruzamentos realizados por Mendel, uma característica era considerada dominante em relação a outra quando:
a)     Aparecia em maior quantidade.
b)     Aparecia em menor quantidade.
c)     Tinha os dois fatores determinantes da característica iguais.
d)     Surgia a partir do cruzamento de dois indivíduos puros com características diferentes.
e)     Surgia com uma característica diferentes de ascendentes iguais.

Gabarito: D

Questão
Qual é a probabilidade de uma mulher heterozigota para certo par de alelos ter um descendente também heterozigoto para o mesmo par:
a)     0%.
b)     25%.
c)     50%.
d)     75%.
e)     Depende do genótipo do pai.

Gabarito: C

Questão
Em bovinos, a ausência de chifres é condicionada por um gene autossômico dominante, enquanto a presença de chifres, por seu alelo recessivo. Um touro sem chifres, filho de uma vaca com chifres, foi cruzado com um indivíduo com chifres, qual a probabilidade de nascer um descendente macho com chifres?
a)     0%.
b)     25%.
c)     50%.
d)     75%.
e)     100%.

Gabarito: B

Questão
Uma planta que produz ervilhas amarelas foi cruzada com outra com o mesmo fenótipo. Foram obtidas 120 novas plantas na descendência. Desses descendentes 30 produziram ervilhas verdes e 90 produziram ervilhas amarelas. Entre os descendentes que produziam ervilhas amarelas, quantos eram homozigóticos?:
a)     120.
b)     90.
c)     60.
d)     30.
e)     0.

GAbarito: D


Questão
Assinale a alternativa correta a respeito dos experimentos realizados por Mendel e todos os conhecimentos em genética básica.
a)     As ervilhas amarelas F1 são homozigóticas e por isso geraram descendentes homozigotos e heterozigotos.
b)     A proporção de 3 ervilhas recessivas para 1 ervilha dominante encontrada em F2 sugere que a característica verde é dominante sobre a amarela.
c)     Se em um cruzamento de ervilhas amarelas heterozigóticas surgir um descendente verde, aumenta-se a probabilidade de um próximo descendente ser amarelo.
d)     Fazendo o cruzamento teste de uma ervilha amarela foram obtidos descentes amarelos e verdes, portanto, podemos afirmar com certeza que a amarela testada é heterozigótica.
e)     Entre as ervilhas amarelas surgidas na segunda geração (F2), 25% são homozigóticas e 50% são heterozigóticos.

Gabarito: D

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Insetos e aracnídeos: uma confusão evitável

Lista de exercícios - biologia