O instituto Butantã


No coração de São Paulo, a ex-fazenda abriga três museus importantes e muito interessantes. O primeiro é o biológico onde se pode ver diversas espécies vivas de serpentes e aracnídeos. Alguns até "estrangeiros" como uma píton e uma naja. O segundo museu é o histórico com vários equipamentos da época da fundação da instituição. E o terceiro - bem legal - é o microbiológico. Lá, maquetes recriam micro-organismos conhecidos como leishmânias, vírus (do tabaco, o primeiro de todos a ser identificado) e bactérias. Não perca quando vier a São Paulo. Visita obrigatória.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Insetos e aracnídeos: uma confusão evitável

Lista de exercícios - biologia